30 de set de 2009

Café Amargo.

- Aqui seu café, disse, com firmeza, a mulher dos seus sonhos. Aquela em que ele iria depositar toda sua confiança e amor. Aquela que teria potencial para mãe de seus filhos, aquela em que ele se apoiaria nas noites de Domingo, quando está com dores do futebol á tarde, e tudo que precisa é de uma massagem carinhosa.
Aquela em que lhe diria para tomar cuidado quando pegasse a estrada, mesmo com chuva, porque era preciso visitar os filhos do primeiro casamento, e ele precisava aproveitar as poucas folgas que seu emprego lhe proporcionava.
Aquela que faria com que toda a tarefa doméstica da casa fosse realizada com destreza. Aquela que se preocuparia quando ele tivesse doente, e que levaria Maurício, o cachorro, ao veterinário quando ele precisasse ser vacinado.
Aquela mulher lhe daria muita alegria e paz. Desfilaria com ele sem vergonha do amor que por ele tinha, e organizaria festas surpresas apenas para agradá-lo um pouco mais. Faria amizade com sua ex mulher e jogaria pôquer com sua mãe, nos Sábados a tardinha quando ele quisesse beber com os amigos.
Ele ainda queria ter mais filhos e comprar uma casa de campo. Ele queria plantar uma árvore e virar vegetariano por uma semana, só para agradar sua filha mais nova. Aprenderia tocar um instrumento só para lhe fazer serenata. E ele até mesmo acordaria 05 horas da manhã de um Domingo só para comprar a geladeira na promoção da madrugada da Magazine Luiza.
Sim, ele faria tudo isso por aquela mulher. Estava cansado de ir ao supermercado, comprar 2 Danette's e comer os dois sozinhos. Mas hoje, hoje era um dia diferente. Ele se declararia para ela, e em alguns meses ela comeria um Danette com ele, ele podia sentir.

Ele, ele...perai, PORRA, QUE ELA TÁ FAZENDO BEIJANDO AQUELE OUTRO CARA ALI?

Ah, aquela mulher.

Se soubesse antes... teria jogado o café na sua cara e ido embora. Piranha.

4 comentários:

Milton Fernandes disse...

Confesso que me deu vontade de arrumar uma namorada, investir na relação, noivar, casar, ter filhos e um cachorro chamado Mauricio. Mas o final, ah, o final, pintou-se como um retrato da minha vida!

EddieTRM disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
EddieTRM disse...

sensação de Dejavu!

Gustavo disse...

Olha, que homem já não pensou isso, nem que por alguns milésimos de segundo antes de ver sua musa se engalfinhar com outro macho e partir seu coração, forçando-o a tomar Antarctica semi-gelada, comer amendoin torrado sem pele e salgado enquanto vê algum pornô de conduta duvidosa?...

E as mulheres reclamam que a vida é difícil, pra vocês é só servir um café com um bom sorriso e BUM! o principe encantado já está engravidando vocês em pensamento aeuaeuaeuaehae

Massa demais o textom, gosto do seu jeito de pensar