5 de out de 2006

Teorias Administrativas Parte I

Inovação, atualização, polivalência: estamos cansados de ouvir sobre a criatividade como principal pré-requisito para ascensão numa boa empresa. Dito isso, resolvi pesquisar e pensar em métodos que nos facilitassem e garantisse a aprendizagem dessa habilidade tão complexa. Comece por lugares pequenos, de preferência num bairro desconhecido onde ninguém saiba algo sobre você (isso o ajudará a ter coragem).

. Tipo na lanchonete:

1. Peça dois lanches para viagem e insista duas vezes , argumentando com palavras diferentes, que está com pressa. Acerte no caixa, saia com a sacola e sente na mesa mais próxima e coma-os.

2. Pergunte ao garçom se ele é emo.

3. Dê um pincel para o chef e diga que seu filho que tem 8 anos só consegue comer salsichas com carinhas desenhadas nela.

4. Diga que não sente fome, mas que é o único local aberto às 3 horas da manhã de um Sábado e você gostaria de alguém pra conversar.

. Tipo na igreja:

1. Pergunte ao padre se ele acredita em Deus realmente e , após sua resposta, dê uma risada alta e debochada "TÉPARECE EM???"

2. Interrompa a missa dizendo que lembrou daquela do Português que escorregou na casca de banana.

3. No confessionário, diga que você só está lá pra confessar o pecado da sua amiga, que não tem coragem de confessar.

4. Pergunte para o padre se ele é emo.

São 05:06 da manhã e o tempo impossibilita de pensar em mais dicas , até porque acabou de baixar Lost e talz.

11 comentários:

huagha disse...

vou baixar lost só ano q vem...assim assisto vários em sequência...pois na última temporada me matei por causa da angústia de esperar um por um.

Anônimo disse...

isso tá escrito no kotler...

pág 236...

Camila Harpias disse...

eu tenho idéias ótimas pra exercitar a criatividade na igreja, mas ser apedrejada por heresia ou satanismo não parece a maneira mais agradavel de morrer.E provavelmente e padre e o garçom são emos\o/

Ben Linus disse...

o padre é emo com crtz...

todos são... na verdade o conclave é uma espécie de rave emo... os cardeais ficam super felizes qdo o papa morre... aí eles se reúnem e curtem um simple plan, good charlotte e afins... a fumaça preta... hããã... é "coisa de louco"... a branca é qdo eles já tão fritando e resolvem acabar a balada...

Bel disse...

Ahh eu sei de uma historia que o pai de uma amiga nao sabia o que era Emo, ela explicou, e ele virou pro garçom e perguntou se ele era Emo... ai ele saiu correndo e foi chorar! xD

Tá, a última parte é mentira, mas a primeira não.
Beijao Ninoca! ;D

Garçom disse...

Corri mesmo. Foi traumático.

garçom disse...

eu era emo, não sou mais...

GUInomoWohcgfdjransfcyfekmfdfnv disse...

Há! Perfeito! Vou pra Bauru todo fim de semana, preciso achar uma igreja por lá!

Encantador o post.

:)

gustavo disse...

olhe nos fundos dos olhos de um desconhecido qualquer. encare, faça cara de que está lendo sua mente. diga qualquer sem sentido, "pare de comer banana verde" ou "não pense que eu não sei como é estar na sua pele". divague longamente sobre a essência do ser enquanto realizador da mítica pós-moderna e peça licença para sair.

e se quiser deixar um legado, uma marca permanente, procure uma criança feliz da vida com seu sorvete recém saído da geladeira. corra em sua direção, dê um tapa no sorvete e diga em tom profético "você nunca mais se esquecerá de mim". corra, corra como se o mundo dependesse disso.

boca de litro disse...

Eu já chamei o garçom duma churrascaria de emo....mas ele não gostou muito, demorou pra me trazer um filé.....


Mu BLOG voltou a ativa....
apoareça lá tbm

elias.alberto disse...

Se o padre disser que é emo, eu apresento ele pro garçom ou convido pra ver lost?